Author Topic: [Tutorial] Conhecendo o Simutrans  (Read 12870 times)

0 Members and 1 Guest are viewing this topic.

Offline IgorEliezer

  • Devotee
  • Administrator
  • *
  • Posts: 3921
  • Total likes: 124
  • Helpful: 69
  • Lost In Stupid Parenthesis
    • Igor Eliezer Architect and Urban Planner/Arquiteto e Urbanista
  • Languages: PT, EN, AutoLISP, Python
[Tutorial] Conhecendo o Simutrans
« on: August 02, 2008, 07:52:49 PM »
[Tutorial] Conhecendo o Simutrans

Autor: IgorEliezer
Área: jogo
Nível: básico
Resumo: Conhecendo um pouco sobre o Simutrans e os seus princípios de funcionamento.

Nota: Não cometa plágio. Ao usar material nosso, cite a autoria e o link de onde você tirou o material. Respeite o nosso trabalho. ;)

1. O Simutrans



1.1. Um pouco sobre o jogo

O Simutrans é um simulador de redes de transportes. Sua meta é estabelecer uma companhia de transporte de sucesso.

No Simutrans, você pode construir e gerenciar uma rede de transportes de carga, passageiros e correios, fazer a economia funcionar, e desenvolver e fundar cidades.

O jogo usa como cenário uma topografia constituída de vegetação, cidades, acidentes geográficos (morros e serras), atrações turísticas e hidrografia (rios e mares). Todo o jogo funciona num ambiente em perspectiva isométrica, criando uma ilusão tridimensional.
1.2. Modais de transportes

Os modais inclusos no jogo:
  • Ferroviário, contendo trens, monotrilhos e bondes
  • Rodoviário
  • Aquaviário, podendo navegar por canal, rios e mares
  • Aeroviário
  • Linhas de alta tensão
1.3. O que se pode fazer no jogo?

O jogador poderá principalmente:
  • Implantar infra-estrutura necessária: ferrovias, linhas de bondes, rodovias, canais, pontes, aeroportos etc, e inclusive pode-se implantar sinalização e controladores de fluxo.
  • Implantar edifícios para a logística: estações, plataformas, paradas, pontos de ônibus, cais, terminais aeroportuários etc, e inclusive implantar garagens e depósitos.
  • Modificar a topografia: aterro, desaterro, e muros de arrimo.
  • Gerenciar frota: criar e gerenciar linhas/itinerários definindo origem e destino; comprar, vender e fazer funcionar veículos e montar comboios/trens.
  • Acompanhar dados do jogo: listar e inspecionar paradas, veículos, cidades, cargas, fábricas etc
  • Acompanhar finanças: ver através de um gráfico a evolução mensal e anual das finanças da sua companhia.
  • Fundar cidades: depois que a companhia tem dinheiro em caixa, poderá investir na construção de cidades.
1.4. Amostra do jogo

Logo em seguida eu coloquei uma amostra do jogo. Nela contém uma cidade com vários tipos de veículos rodando. Clique na imagem para ampliá-la...

Veja imagem da amostra...

Também deixo um link do nosso site com uma grande galeria de imagens do jogo. Não deixe de visitar!
SIMUTRANS SCREENSHOT GALLERY


2. Elementos do jogo

2.1. Cenário

O cenário do jogo é feito de: cidades, topografia, vegetação e hidrografia.

As cidades são formadas de:
- uma prefeitura: onde você pode mudar o nome da cidade e ver as estatísticas da cidade;
- ruas urbanas: são construídas automaticamente conforme a cidade cresce;
- edifícios: são destino e partida de passageiros e correios;
- edifícios especiais: são atrações turísticas urbanas de propriedade pública e também são destino e partida de passageiros e correios normalmente em grande quantidade.

A topografia é justamente o terreno do jogo. Ela pode ter diversas formas, podendo ser planas ou possuindo serras e ter altas altitudes. A topografia pode ser modelada pelo jogador. O fundo do mar também possuí uma topografia, existem pontos mais fundos e outros mais rasos, e pode-se aterrar partes do mar modificando-se a topografia que está no fundo dele.

A vegetação são as árvores e assemelhados. Existem vários tipos de árvores conforme o clima em cada altitude da topografia. Desde uma floresta densa, desertos e até áreas cobertas de tundra e neve.

A hidrografia é formada de mares e rios. O mar preenche as partes mais baixas da topografia e são navegáveis. O rios nascem em várias partes do terreno e fazem seu percurso até desaguar no mar. Só os ribeirões não são navegáveis.

2.2. Atrações turísticas

As atrações turísticas podem ser urbana ou rural. E só recebem passageiros e correios.

Exemplos: castelos, ruínas, templos, moinhos, montanhas etc.
2.3. Indústrias

São os edifícios que consomem e produzem materiais. E é parte mais importante do jogo juntamente com o transporte de passageiros.

As indústrias são dependentes uma das outras, formando uma cadeira produtiva. Então as mercadorias são produzidas e consumidas por outras indústrias até que a mercadoria chegue ao mercado da cidade.

As indústrias podem ser:

Fornecedoras: produzem algo para ser consumido pelas indústrias consumidoras;

Consumidoras: que consomem algo produzido pelas indústrias fornecedoras.

A maioria das indústrias é consumidora e fornecedora ao mesmo tempo. Então ela só irá produzir se ela for alimentada com os materiais necessários fornecidos pelas indústrias fornecedoras.

Um exemplo disso é uma fábrica de automóveis que só produzirá para a loja de automóveis da cidade se ela for alimentada por aço produzido por uma siderúrgica, e por plástico produzido por uma refinaria. Isso quer dizer que, quando vai-se construir uma rede de transportes de carga, tem que sempre começar a partir da indústria que só produz.

2.4. Vias

É por onde trafegam os seus veículos. Existem vários tipos disponíveis, cada uma com um custo de construção e manutenção próprias, e velocidade máxima.

Use o tipo correto de via para o transporte que você deseja: ferrovias para trens, rodovias para caminhões etc.

2.5. Paradas e edifícios de logísitica

2.5.1. Paradas

As paradas são os lugares onde os veículos carregam e descarregam as cargas, passageiros e correios. Existem três tipos de paradas: paradas para cargas, paradas para passageiros e para correios.

Use o tipo certo para o que será transportado. Parada para cargas, servem para receber e enviar cargas; paradas para passageiros, é onde os passageiros embarcam e desembarcam e assim vai.

Os tipos de paradas, e tipo de transporte e carga compatíveis:

Estação: ferroviário, para passageiros
Plataforma: ferroviário, para cargas
Parada de ônibus: rodoviário, para passageiros
Parada de correio: rodoviário, para correios
Baia de carga: rodoviário, para cargas
Cais de canal: aquaviário, para cargas
Doca: aquaviário, para passageiros
Pier: aquaviário, para cargas
Ponte de embarque: aeroviário, para qualquer tipo
Parada de aeronaves: aeroviário, para qualquer tipo

2.5.2. Edifícios de extensão

Os edifícios de extensão servem para adicionar capacidade e tipo de carga a uma parada existente.

Por exemplo: a estação ferroviária de passageiros poderá receber também correios se você inserir um posto de correio do lado da plataforma; ou ainda, implante um edifício-armazém para cargas para que sua estação também receba cargas.

Os edifícios de extensão mais comuns são: posto de correio, armazém, prédios para estações de trem e aeroportos, pátios para carros, etc.

Os edifícios de extensão só podem ser implantados ao lado de uma parada existente.

2.6. Veículos e Cargas

Existem veículos de todo tipo: caminhões, ônibus, trens, navios etc. Cada veículo foi criado para transportar uma categoria de carga. Use o veículo (isso inclui vagões e reboques) certo para transportar determinadas categorias de cargas.

Exemplo: se uma indústria produz combustível, então deve-se usar caminhões ou vagões que transportam combustível.

NOTA: certos tipos de trens só irão trafegar se o trilho estiver eletrificado.

3. O que precisa para o Simutrans funcionar

Para o Simutrans funcionar, você precisa instalar:

- Binário: é o executável que faz o jogo funcionar. Sem o pacote gráfico não funciona.
- Pak: é um pacote de gráficos para o cenário da sua escolha.

Para saber como se instala o Simutrans veja o tópico [Tutorial] Instalando e configurando o Simutrans.